terça-feira, 20 de dezembro de 2011

EFÊMERO

REFLITA...


Efêmero

© Letícia Thompson

Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é efêmera, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes.
Muitas flores são colhidas cedo demais. Algumas, mesmo ainda em botão. Há sementes que nunca brotam e há aquelas flores que vivem a vida inteira até que, pétala por pétala, tranqüilas, vividas, se entregam ao vento.
Mas a gente não sabe adivinhar. A gente não sabe por quanto tempo estará enfeitando esse Éden e tampouco aquelas flores que foram plantadas ao nosso redor. E descuidamos. Cuidamos pouco. De nós, dos outros.
Nos entristecemos por coisas pequenas e perdemos minutos e horas preciosos. Perdemos dias, às vezes anos.
Nos calamos quando deveríamos falar; falamos demais quando deveríamos ficar em silêncio. Não damos o abraço que tanto nossa alma pede porque algo em nós impede essa aproximação. Não damos um beijo carinhoso "porque não estamos acostumados com isso" e não dizemos que gostamos porque achamos que o outro sabe automaticamente o que sentimos.
E passa a noite e chega o dia, o sol nasce e adormece e continuamos os mesmos, fechados em nós. Reclamamos do que não temos, ou achamos que não temos suficiente. Cobramos. Dos outros. Da vida. De nós mesmos. Nos consumimos.
Costumamos comparar nossas vidas com as daqueles que possuem mais que a gente. E se experimentássemos comparar com aqueles que possuem menos? Isso faria uma grande diferença!
E o tempo passa...
Passamos pela vida, não vivemos. Sobrevivemos, porque não sabemos fazer outra coisa.
Até que, inesperadamente, acordamos e olhamos pra trás. E então nos perguntamos: e agora?!
Agora, hoje, ainda é tempo de reconstruir alguma coisa, de dar o abraço amigo, de dizer uma palavra carinhosa, de agradecer pelo que temos.
Nunca se é velho demais ou jovem demais para amar, dizer uma palavra gentil ou fazer um gesto carinhoso.
Não olhe para trás. O que passou, passou. O que perdemos, perdemos.
Olhe para frente!

Ainda é tempo de apreciar as flores que estão inteiras ao nosso redor. Ainda é tempo de voltar-se para Deus e agradecer pela vida, que mesmo efêmera, ainda está em nós.
Pense!... Se você está lendo esta mensagem é porque ainda tem tempo!!!
Não o perca mais!...
Que Deus te abençoe!

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

A HISTÓRIA DO PATO

Nas férias, dois irmãos visitavam seus avós no sítio. O menino ganhou um estilingue para brincar no mato. Praticava sempre, mas nunca conseguia acertar o alvo. Certa tarde, viu o pato de estimação da vovó.
Em um impulso atirou e acabou acertando o pato na cabeça e o matou. Ele ficou chocado e triste! Entrou em pânico e escondeu o pato morto no meio da mata.
Beatriz, sua irmã, viu tudo, mas não disse nada aos avós.
Após o almoço, no dia seguinte, a avó disse:
— Beatriz, vamos lavar a louça.
Mas ela disse:
— Vovó, o Filipe me disse que queria ajudar na cozinha.
E olhando para ele sussurrou:
— Lembra do pato? — então, Felipe lavou os pratos.
Mais tarde o vovô perguntou se as crianças queriam pescar e a vovó disse:
— Desculpe, mas eu preciso que a Beatriz me ajude a fazer o jantar.
Beatriz apenas sorriu e disse:
— Está bem, mas o Filipe me disse que queria ajudar hoje.
E sussurrou novamente para ele:
— Lembra do pato?
Então, Beatriz foi pescar e Filipe ficou para ajudar.
Após vários dias, Filipe sempre ficava fazendo o trabalho de Beatriz até que ele, finalmente, não aguentando mais, confessou para a avó que tinha matado o pato.
A vovó o abraçou e disse:
— Querido, eu sei... eu estava na janela e vi tudo, mas porque eu te amo, eu te perdoei. Eu só estava me perguntando por quanto tempo você iria deixar a Beatriz lhe fazer de escravo!
Qualquer que seja o seu passado, ainda que de mentiras, enganos, maus hábitos, mágoas, seja o que for, você precisa saber que Deus estava na janela e viu como tudo aconteceu. Ele conhece toda a sua vida, Ele quer que você saiba que Ele te ama e que você já está perdoado. Ele está apenas querendo saber por mais quanto tempo você vai deixar que o diabo te faça de escravo. Deus só está esperando você pedir perdão, Ele não só perdoa, mas Ele se esquece.
É pela graça e misericórdia de Deus que somos salvos. Vá em frente e faça a diferença na vida de alguém hoje.  Compartilhe esta mensagem com uma pessoa amiga e lembre-se sempre: Deus está na janela e sabe de tudo!
"A vontade de Deus nunca irá levá-lo(a) aonde a Graça Dele não irá protegê-lo(a)."
 
"Quando clamei, tu me respondeste; deste-me força e coragem". (Sl 138.3)
 
Tenham uma ótima semana de muita Paz!

Desconheço o autor

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

COMO SOMOS FRÁGEIS!!!!

Hoje, logo pela manhã recebi uma notícia muito triste: amigos meus do RS perderam a vida tragicamente em um acidente. E a profunda tristeza levou-me a pensar em como somos frágeis, em como nossa vida pode ser tomada, assim, em miléssimos de segundos e esse corpo não presta para mais nada, "do pó vieste, para o pó retornarás... Gn. 3:19, somente nosso espírito, nossa alma é que irá conhecer a glória ou o inferno que é a vida eterna. Graças a Deus, eles estão no paraíso, encontrando com outros antes queridos que partiram antes deles, mas nós que ficamos com a dor da partida e a saudade da ausência, temos a sensação de um vazio, de um por quê, de uma impotência total diante de tamanha tragédia, o que me leva a dois sentimentos: o da fragilidade humana e da necessidade de nos apegarmos aos verdadeiros valores da vida. Fatos como esses, nos fazem "acordar para a vida". Podemos ter tudo: casa, dinheiro, amigos, projetos, sonhos, bom emprego, ter sucesso até, mesmo assim, continuaremos f'rágeis. Pv. 16:9, nos diz: “O coração do homem considera o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos”. Podemos fazer planos, mas é o Senhor que dirige nossos passos, é Ele que determina nossa vida. Muitas vezes, por acharmos fortes, nos afastamos de Deus; quantas vezes por não achar necessário, não dobramos os joelhos em oração; quantas decisões tomamos sem consultar a Deus; E diante disso nos tornamos frágeis!
O que somos, como somos, não nos garantem uma vida longa. Somos frágeis! Tudo pode deixar de ser, em questão de segundos, minutos....
Hoje, agora, o Senhor nos dá oportunidade de amar, de sorrir, de abraçar, de buscar a Sua Palavra, de VIVERMOS essa Palavra.
Somos frágeis. Mas quando temos consciência dessa fraqueza e procuramos a Cristo para nos sustentar, vivemos o que está escrito em II Cor. 12:10: “...Porque, quando estou fraco, então sou forte”.
Somos frágeis, mas em Cristo seremos fortes!
Somos frágeis mas em Cristo podemos encontrar o verdadeiro sentido da vida!
Somos frágeis mas em Cristo, e somente nEle, temos a garantia de vida eterna!
O que peço a Deus hoje, é que Ele esteja confortando nossos corações frágeis, tristes, inconformados com a perca tão repentina de nossos queridos. Que a família possa, na sua fragilidade do momento, sentir a mão forte de nosso Deus, consolando e protegendo.
E você que leu esse post até aqui, perceba sua fragilidade, procure uma vida com Deus, deixe Ele dirigir seu caminhar, seus projetos, seus sonhos, HOJE!!
Precisa ser HOJE,  porque amanhã.... amanhã não nos pertence e pode não haver mais tempo.....